Afoxé Filhos do Congo

Entidade Afro-sociocultural sem fins lucrativos que desenvolve atividades culturais ao longo do ano, tendo o carnaval como chamado para ações sociais.

placeSalvador, BA
  • 3

    VAGAS CRIADAS
  • 1

    VOLUNTÁRIOS ENGAJADOS

Sobre a ONG

O Filhos do Congo é uma associação comunitária e recreativa que visa realizar trabalhos socioculturais ao longo de todo o ano, além de abrilhantar os carnavais de Salvador. O Afoxé é uma entidade civil, sem fins lucrativos e de utilidade pública ao qual foi fundada em janeiro de 1979 na Baixa do Curuzu. Atualmente a instituição está sediada no bairro de Cajazeiras, sendo o seu endereço: Fazenda Grande IV, Setor 7, caminho 48, Nº 3 - Salvador- Bahia.

O Filhos do Congo teve como liderança e fundador Ednaldo Santana dos Santos, conhecido a partir de então como Nadinho do Congo. Os afoxés possuem íntimas relações místicas com os terreiros de candomblé e assim, foi Nadinho quem recebeu de seus guias, a missão, de levar às ruas o afoxé que homenageia a contribuição sociocultural dos africanos e seus descendentes, vindos da região africana do Reino do Congo.

O Filhos do Congo desenvolve diversas atividades culturais e ações sociais, sendo os desfiles de carnavais apenas algumas de suas ações, sobretudo na comunidade de Cajazeiras ao qual desenvolve um trabalho de orientação de crianças e adolescentes, com aulas no contraturno escolar de dança e música. Se orgulha em afirmar que contribuiu organicamente para a profissionalização de vários músicos e dançarinos que hoje desenvolvem atividades no Brasil e no exterior. No campo social, atua aliada a empresas privadas e órgãos públicos no aporte para o bairro de intervenções que objetivam a melhoria das condições de vida da comunidade e na execução de projetos educacionais com o ensino da música, da dança, da capoeira, da informática e cursos preparatórios profissionalizantes.

Bem como em parceria com outras entidades do movimento social: Projeto Capacitação Solidária, Centro Tecnológico Federal da Bahia e da presente campanha pela implantação de um campus universitário na região de Cajazeiras promovida pelo Movimento MUDE/SALVADOR.

A entidade tem como questões fundamentais a diversidade, a identidade cultural, a inclusão, a cidadania, a preservação e a difusão do patrimônio cultural tendo como principal objetivo promover uma visão equânime e democrática. Nesse sentido, com uma metodologia eficiente para aproximar a sociedade dos bens culturais, já que possibilita o conhecimento, a identificação e o pertencimento, operações fundamentais para a valorização e a preservação do patrimônio cultural.

O trabalho do Afoxé acontece de forma integrada com a comunidade de cajazeiras e adjacências, afro-empreendedores, jovens, mulheres, parceiros, apoiadores nacionais e internacionais como embaixador do Congo e a rainha Diambi Kabatusuila da República Democrática do Congo que desfilou junto ao afoxé em 2019.


Endereço

Caminho 48- Faz. Grande IV | St. 07 - Fazenda Grande 4, Salvador - BA, Brasil - Final de linha da Boca da Mata

Voluntários

1 voluntários